Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Quando a morte se torna comum.

Por M&Ms, em 03.10.16

Costumo dizer que cá, a vida tem um valor diferente. Em quatro anos aqui, já vi morrer mais gente do que em 26 anos em Portugal. É frequente o pedido de dispensa por parte dos trabalhadores para irem a funerais de familiares ou amigos. Quase parece uma coisa normal...quase. Para mim é tão anormal, que não sei explicar.

Hoje senti a necessidade de escrever...mas quero escrever e não consigo ter as palavras certas para o que sinto em relação a isto. Uma espécie de agonia. Parece que me “cai a ficha” em relação ao sítio em que estou. Assusta-me ter de me deparar com esta realidade...em que a morte é algo comum, independentemente da idade ou do estado de saúde. Lembra-me a estupidez que é morrer aqui, por causa de um acidente de viação, num hospital sem cuidados médicos apropriados ou simplesmente por uma briga parva com um familiar. É tão simples quanto isto.

E de um momento para o outro, aquela pessoa que durante meses está diariamente a trabalhar ao nosso lado, deixa de estar. E o tempo passa... o trabalho continua... e eu esqueço. Até voltar a estar perto da morte. Aí relembro. Todos.

 

Até já!*

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 13:41


11 comentários

Imagem de perfil

De Chic'Ana a 03.10.2016 às 15:03

É realmente uma realidade muito diferente daquela a que estamos habituados..
Beijinhos
Imagem de perfil

De CFHM a 03.10.2016 às 18:10

De cortar a respiração. Não sei se me aguentava. Lido tão mal com essa coisa da morte.
Força.
Imagem de perfil

De Maria Mocha a 03.10.2016 às 18:32

A morte é algo com o qual nunca saberei lidar.
Imagem de perfil

De A-lupa-de-alguem a 03.10.2016 às 23:47

Foi justamente em Africa há meses q a morte levou o meu irmao. O meu maior receio qd ele foi para lá era algum bicho o atacar, apanhar alguma doença, alguém o agredir, mas foi justamente um estupudo e trágico acidente de trabalho...
Nunca saberei lidar com a morte
Imagem de perfil

De M&Ms a 04.10.2016 às 16:44

A verdade é que podemos imaginar muitos cenários, mas isto "por cá" ultrapassa facilmente a barreira do inimaginável. Simplesmente porque estamos habituados a uma realidade completamente diferente e não temos noção de que o que aí é um dado adquirido, aqui pode ser uma dificuldade. Força!
Imagem de perfil

De Caroline Silva a 04.10.2016 às 01:16

O luto não mata a saudade, mas ajuda a compreender o ciclo da vida.
Imagem de perfil

De cheia a 04.10.2016 às 05:32

Hoje, morre-se e mata-se por tudo e por nada. A vida, a única coisa que temos, perdeu o valor. E, em África, infelizmente, ainda é muito pior.
Imagem de perfil

De M&Ms a 04.10.2016 às 16:45

Como concordo com o que escreveu. E se algum dia tive dúvidas, aqui dissiparam-se.
Sem imagem de perfil

De musiquinhas a 09.10.2016 às 16:35

Muitos parabéns pelo teu destaque!! Hoje já não estamos seguros em lado nenhum,portanto,o bom que podemos fazer é aproveitar a nossa vida ao máximo,minuto a minuto,momento a momento!!
Imagem de perfil

De M&Ms a 10.10.2016 às 08:09

Obrigada!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D